segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Não importa o tempo, mas a intensidade




Tenho razão em sentir saudades.

Esse verso de Carlos Drummond de Andrade expressa o sentimento que tivemos esses dias pela perda tão rápida do nosso querido Pe. Paulo, OMI. 

Nosso contato com ele foi de poucos meses, mas o suficiente para percebermos sua sabedoria, coragem e coerência com o Evangelho. Suas ideias e ideais modificaram a vida de muitos, uma evolução social e intelectual.

Demonstrava, também, sua dedicação aos pequeninos. Enriquecia seu conteúdo para poder repassá-los. 

Chamava atenção pela simplicidade. Suas homilias traziam uma reflexão sobre a vida e anseio do povo de Deus nos dias de hoje. Com conhecimento profundo da Bíblia, contextualizava essa palavra, nos trazendo a palavra viva que nos chama à ação de fé e cidadania. 

Esse missionário, que hoje choramos a perda, fica em cada um de nós pelo belo exemplo de doação e amor à Deus, ao seu povo e a nós. Assim foi Leroy Paul Elhe, o Pe. Paulo, missionário Oblato de Maria Imaculada, que agora descansa sob seu manto protetor e que foi fiel nessa vida à missão e ao Carisma. 

Velda Maria e Jose Marcone